FOCUARTE: salvaguarda e protagonismo marcam encontro com secretário e fazedores da cultura de Arapiraca.

0
120
Em destaque, Mestra Regineide Rosa, mãe e irmã. Ao fundo, participantes do encontro no Sítio Fernandes em Arapiraca-AL. Créditos: Lourdes Rizzatto.

Assessoria

Nossa coordenação em expedição pelo agreste alagoano se reuniu na manhã desta sexta-feira (26) em Arapiraca com mestres, brincantes e artesãos, a visita que contou com a presença de Wellington Magalhães atual secretário de cultura do município animou fazedores e firmou parceria para futuros projetos. O dia começou com entrevista para a rádio comunitária A Voz do Povo é a Voz de Deus apresentação de Rejane Barros, o bate papo trocou ideias e informações sobre o cuidado com os detentores, articulação e mobilização que o Fórum vem realizando em todo o Estado de Alagoas.

Reunião com o Secretário

O encontro com o secretário foi bastante amistoso focando na valorização, protagonismo dos detentores em suas comunidades e como a gestão pública vem realizando políticas públicas que favoreçam a continuidade dessas tradições com suas técnicas e costumes. Welligton Magalhães em uma de suas falas destacou a importância que o FOCUARTE tem em trazer para o centro das atenções mestres, brincantes e artesãos que hora viviam no anonimato e que através das mídias digitais vem tendo relevante destaque e reconhecimento de suas comunidades.

“O FOCUARTE é um espaço onde as pessoas estão se encontrando, aqui, mestres, artesãos e brincantes tem a oportunidade de se expressarem e isso nós também estamos trabalhando para que em nossa cidade a gente possa ouvir e atender cada vez mais essas pessoas. Queremos que eles tenham seus espaços respeitados e valorizados”, disse.

Ao final da reunião ficou programado para o mês de Julho a realização de um encontro de articulação e um outro para gestores municipais do agreste alagoano.

“Nosso Fórum com bastante diálogo, empatia e protagonismo vem a Arapiraca se colocar a disposição mais uma vez reafirmando nossa bandeira de valorização e empoderamento dos nossos fazedores, queremos unir os corações e os pensamentos para a plena conscientização de que a identidade alagoana é feita por todos nós”, relatou Sérgio Nascimento.

Representantes do SEBRAE AL e do FOCUARTE em encontro na Criolaria de Jânio Claudio. Créditos: Divulgação.

Visitas a mestres e artesãos

Durante a manhã foram realizadas visitas destacando as atuações desses fazedores nas comunidades que vivem. No Povoado Mangabeira fomos recebidos pelo professor e artesão, Jânio Claudio de Oliveira, que juntamente com representantes do SEBRAE-AL nos apresentou o ateliê “Criolaria”, seus trabalhos e novos projetos. Na oportunidade, Marina Gatto, gestora responsável pelo artesanato (SEBRAE-AL) conheceu as atividades que o FOCUARTE vem realizando através de seus membros e quais os frutos já são possíveis ser colhidos dos trabalhos de articulação e mobilização popular.

No bairro Cacimbas foi possível conhecer o Mestre Elias do Guerreiro Aza Branca, ouvir suas dificuldades e perceber a precariedade em que vive o mestre. Foi possível avaliar a estrutura do imóvel em que o mestre vive, detectamos o desabamento de parte do telhado nos fundos, em breve o FOCUARTE entrará com um projeto para agariar recursos que facilitem a readequação do imóvel.

Mestre Elias do Guerreiro Aza Branca falou das dificuldade com sua casa e a manutenção do grupo. Créditos: João Lemos.

Ao final da manhã, todos seguiram para o Sítio Fernandes onde houve apresentação das Destaladeiras de Fumo, do Coco de Roda Mestre Nelson Rosa e Guerreiro debaixo de um imbuzeiro (árvore nativa do agreste) com a participação de jornalistas, gestores e comunidade. Na oportunidade, convidamos os representantes do SEBRAE para juntos em parceria com a Criolaria montarmos um marco referencial para ser fixado junto a árvore que tem um importante significado para a comunidade, ali o saudoso mestre Nelson Rosa por mais de 50 anos manteve a tradição do coco e das cantorias das plantações de fumo. O manhã foi concluída com um farto almoço oferecido pela mestra Regineide Rosa e família.

Na parte da tarde a comitiva visitou o Espaço do Artesanato localizado no Arapiraca Garden Shopping que é coordenado pela Associação de Artesãos e Artistas Plásticos, a loja é uma parceria que muito tem beneficiado os artesãos da cidade. O dia foi encerrado com uma visita as Destaladeiras e o Reisado do bairro Canafístula. A comitiva seguiu para a cidade de Penedo onde visitará a comunidade do baixo São Francisco.

Além da comunidade e outros convidados estiveram presentes os seguintes participantes do Fórum: José Alexandre – artista plástico, Marineide Barbosa – secretária de cultura e turismo de Lagoa da Canoa, Alberto do Carmo – artista plástico, Lourdes e Silvestre Rizzatto – jornalistas, Rejane Barros – atriz e radialista, Welligton Magalhães – secretário de cultura de Arapiraca, Jane Lúcia e Sérgio Nascimento – artesãos de Penedo, Jânio Claudio – professor e artesão, mestre Elias – Guerreiro Aza Branca e Magna Cristina – Academia Arapiraquense de Letras e Artes.

Créditos: Divulgação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui